Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Por Carmen Saraiva

foto do autor


Contacto

cmsaraivasantos@gmail.com

100 páginas no Instagram

@carmensaraivasantos

100 páginas no Facebook


calendário

Novembro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930


Pesquisar entre as páginas

 


Magá e seus equívocos

Quarta-feira, 08.07.15

Magá e seus equívocos, ou "A língua portuguesa é muito traiçoeira":


Eu: Filha, tu amas a mãe?
M: (sorri e abana a cabeça para cima e para baixo)
Eu: Muito ou pouco?
M: Oink oink oink!
Eu: Ahn??!!
M: Oink oink!
Eu: Muito ou POUCO! Não é PORCO!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

Papas personalizadas! :)

Terça-feira, 07.07.15

Depois de uma semana de férias bem passada a sul, com banhos de mar, refeições de peixe fresco grelhado e muitos passeios, cheguei a casa e dei de caras com esta fantástica surpresa da Nestlé. Um cabaz gigante e pesado, repleto de papas variadas, sobremesas lácteas e de fruta, tudo iguarias para a Margarida se deliciar nos próximos meses. Iogulinos petit com queijo fresco, que ainda nem sequer vi à venda, foram uma das coisas que mais me chamou a atenção, bem como alguns sabores de papa Cerelac que desconhecia. Os iogulinos são boas opções para o lanche agora no verão, em que passamos mais tempo fora de casa, já que não necessitam de frio. Para a praia são práticos, nesta semana que passou recorri algumas vezes tanto aos iogulinos como aos pacotinhos de fruta Naturnes, e a Margarida adorou, apesar de gostar igualmente de devorar fruta fresca à dentada!

Mas o melhor de todo este cabaz foi mesmo deparar-me com estas embalagens mega especiais de Cerelac, personalizadas com o meu nome e da Margarida! Soltei um grito quando vi, foi uma ideia maravilhosa e super original! Aqui ninguém mexe, dúvidas houvesse...! :)

Amei mesmo! Obrigada, Nestlé, pelo miminho!!

IMG_6026.JPG

IMG_6027.JPG

 

 

IMG_6032.JPG

 

IMG_6031.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

<3

Segunda-feira, 13.04.15

IMG_7256.JPG

De ontem.

Amor sem limites.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

Precious

Terça-feira, 24.03.15

10471326_962512523767392_7018480760863271475_n.jpg

Ainda não tinha partilhado o anel que o marido ofereceu há duas semanas. Desde que a Margarida nasceu que queria ter qualquer peça com o nome dela, fosse um anel, uma pulseira ou um colar, e acabei por me decidir por um anel, especialmente encomendado na ourivesaria e completamente personalizado. Agora é o meu novo tesouro. Adoro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Marcadores:

por Carmen Saraiva

1 ano inesquecível

Quinta-feira, 18.12.14

Há um ano, estava eu carregadinha de nervos. Há um ano, sentia-me num carrossel de emoções, sacudida entre o entusiasmo, a ansiedade, o medo, a alegria. Há um ano, estava eu numa cama da maternidade, a aguardar que me levassem para cesariana, a pedir ao enfermeiro Sérgio para me ajudar a levantar de cinco em cinco minutos, para eu poder ir à casa de banho (38 semanas de gravidez e stress são uma mistura explosiva). Há um ano, estava prestes a conhecer a Margarida. Depois de nove meses a imaginar o seu rosto, a sentir na barriga os seus pontapés e as suas reações aos barulhos exteriores estridentes, que ainda hoje a incomodam, estava finalmente na hora de poder pegar-lhe, cheirá-la e abraçá-la. Contar e examinar com atenção todos os dedinhos das mãos, depois os dos pés. Foi um dia marcante do qual relembro exactamente cada momento - até ter sido mãe não percebia como era possível decorar com tanta clareza cada segundo de um dia, mesmo que já tivessem passado 30 ou 40 anos, ou uma vida inteira. Agora percebo. A frase que mais impacto teve em mim foi aquela proferida pelo querido Dr. Amado, "Vem aí a sua Margarida!", milésimos de segundo antes de a puxar para o Mundo e para o seio das nossas vidas, que são agora tão mais cheias de sentido. Só porque ela existe. Só porque vale a pena acordar todos os dias para um sorriso, para uma gargalhada, para um abraço apertado e um beijo doce da nossa boneca de Natal. O primeiro momento em que a vi, erguida pelo Dr. Amado sobre o pano verde, ficou congelado para sempre na minha memória. Achei-a logo tão mimosa e absolutamente única. Nunca pedi para ter uma filha perfeita, por achar que não existiam. Mas a Margarida é realmente a nossa filha perfeita. Em mil bebés, não poderia haver outra igual. Nem por encomenda conseguiriam reproduzir outra menina tão linda, tão sorridente, tão calma, tão divertida, tão meiga. E ainda só passou um ano. Sei que temos muita sorte e só tenho a agradecer estes 12 meses em que na nossa casa a felicidade foi elevada ao expoente máximo. Parabéns, minha filha. Meu tesouro. Desejo-te muitos anos de saúde e felicidade, e que nós estejamos cá para os ver. A mamã ama-te muito, muito.

foto1.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

Abracinho que não tem preço

Sexta-feira, 24.10.14

IMG_5925.JPG

 <3

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Marcadores:

por Carmen Saraiva

Pãozinho no restaurante...

Segunda-feira, 22.09.14

... é igual a horas e horas de entretenimento. O que esta miúda adora pão, ou não fosse sobrinha de padeiro!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

E vão nove

Quinta-feira, 18.09.14

9 meses de Margarida. Não há palavras para explicar o que sinto quando olho para ela, quando ela me oferece aquele grande sorriso, uma das suas gargalhadas, ou um abracinho apertado. Repito vezes sem conta, em pensamento: "não há dinheiro que pague". E não há mesmo. É tão cliché dizer a quem não tem filhos que é maravilhoso, que não há coisa melhor, que nada se compara, bla bla bla. Mas pronto: pessoas que ainda não contribuiram para a taxa de natalidade, fiquem sabendo que é mesmo.

A cada dia este amor vai crescendo, crescendo, e mesmo quando pensava que já não conseguia amá-la mais, no dia seguinte, quando a vou buscar à cama e ela estica para mim os seus bracinhos, também o meu coração estica mais um bocadinho. Neste momento está de tamanho XXXXXXXXXXXXL , e nem imagino o quanto ainda terá para crescer ao longo dos anos. Quando ela nasceu e a vi pela primeira vez, pensei que já a amava tanto... mal sabia que esse amor ainda estava só a começar. Pode mesmo ser assustador, e é. Todos os dias são uma alegria, uma surpresa. Cada fase nova é uma excitação, cada descoberta que ela faz e cada marco que alcança são motivos de orgulho. Mesmo nas coisas mais pequenas celebramos a vivacidade e a esperteza, que a cada dia que passa vão também aumentando. E mal posso esperar por viver com ela todas as fases que ainda estão por vir. Sinto um entusiasmo enorme só de pensar, por exemplo, no dia em que der os primeiros passinhos, ou no seu primeiro dia de aulas. Antes de ela nascer não sabia o quanto me fazia falta, e agora percebo que não sei viver sem ela. Depois de sermos pais reencontramo-nos enquanto seres humanos, e percebemos qual era afinal o nosso propósito, a nossa Missão.

E mais outra gracinha, a novidade de hoje: começou hoje a bater palminhas. Sozinha, do nada, depois de eu ter andado meses a tentar ensiná-la, de repente decidiu-se. Agora está entusiasmadíssima e não pára. Suponho que para celebrar os 9 mesitos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Marcadores:

por Carmen Saraiva

Domingo

Domingo, 14.09.14

fotografia.JPG

Vestido Jacadi Paris.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva

Please do not disturb

Terça-feira, 02.09.14

fotografia 1.JPG

fotografia 2.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Carmen Saraiva


Em poucas palavras



O que preenche as páginas


Folhearam as 100 páginas


Subscrever as 100 páginas